quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Em homenagem a todos os excelentes professores!

Hoje foi um daqueles dias especiais, que não se repetem. E que talvez só eu tenha percebido ele desse jeito, mas foi muito especial.

Tivemos aula aqui em Aarhus com o professor Georg Sørensen. Na foto, na frente do quadro do jeito que ele mesmo rabiscou. Era uma aula normal, a quarta que ele deu nesse ano para nós, mas a beleza do tema e seu método
de ensino tornaram a experiência espetacular.

Para começar, ele é um dos melhores acadêmicos de Relações Internacionais do mundo. O cara tem mais de 15 livros escritos, mais de uma centena de artigos acadêmicos. O manual dele de RI tem tradução até ao português (currículo da fera aqui:http://bit.ly/Rig8Z0) . E, além disso, é ótimo professor - algo que nem sempre acontece - ou mesmo raramente acontece - quando o cara é tão crânio.

E é MUITO humilde.

É o professor que faz perguntas o tempo todo durante a aula aos alunos. Estimula o debate.

Diz que não sabe quando não sabe. Mas que quer saber - e diz que talvez nós, humildes estudantes, tenhamos a resposta.

Não pretende que sabe mais que os outros. E, no entanto, sabe MUITO.

Tema da aula: globalização econômica, crise econômica internacional, capitalismo no mundo.

Ele dá três aulas (iguais), às terças e quartas-feiras, para a nossa turma. Fomos divididos em três grupos. Dois têm aula em quartas, um de manhã (o meu) outro à tarde.

Eu estou no grupo da quarta de manhã. Mas simplesmente gostei tanto da aula que fiquei para a aula da tarde de novo. Mesmo tendo dormido só três horas na última noite por causa das eleições americanas.

O cara vem lá pelas tantas e senta em uma cadeira no meio da sala, no meio dos estudantes. 

Ouve a todos com paciência. 

Concorda com os pontos de alguns. 

Com outros, se não concorda, responde com uma pergunta amistosa do tipo: "meu amigo, mas você não acha que...?"

Perguntei no fim da aula se ele poderia me dar uma entrevista. Quero falar com ele sobre os BRICs e a economia internacional.

"Claro que sim. Só me manda um e-mail para marcar um dia certinho".
"Excelente, vou mandar", disse.

"Você não esteve de manhã na aula também?", perguntou.
"Sim, estive...", respondi.

E aquele sorriso bonito de professor querido, contente com o fato de que um estudante não se importou em assistir à aula duas vezes.

Aliás, teria assistido três vezes até, e com gosto. 

O tema fascina, o professor é simplesmente top. E agora terei a oportunidade de entrevistá-lo em seu próprio escritório aqui em Aarhus, mais dia menos dia. Só marcar por e-mail :).

Em homenagem a todos os excelentes e dedicados professores, sobretudo aqueles que sabem muito e que, mesmo assim, são humildes, prestativos e queridos.
-
Publicação original: http://on.fb.me/SEIOKU
Foto: Marcel van Hattem

Nenhum comentário:

Postar um comentário