segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Onde foi tirada essa foto?

Onde foi tirada essa foto? Onde?
Adivinha onde foi tirada essa foto?

Na improvável hipótese de você ter chutado uma cidade na Noruega, você acertou: foi em Oslo.

Maria Bonkuliescu é romena. Assim como são romenos inúmeros mendigos e ciganos zanzando pela capital do mais 
caro país da Europa. Maria tem cinco filhos, diz não conseguir trabalho.

Comecei tentando falar inglês, mas sucesso zero. Norueguês ela também não fala (nem eu), mas fala romeno, língua latina mas que só se falada com muita calma, devagar mesmo, vai-se encontrando as semelhanças com o português. Maria falava no entanto um quase nada de italiano. E foi com arranhados perchés, doves e "ma comos" que tentei entender um pouco a situação dela. E de inúmeros outros imigrantes no país.

A Noruega é um país super rico, com reservas enormes de petróleo. Não é membro da União Europeia. Não tem o euro como moeda: tem a cara coroa norueguesa.

Nos cinco dias em que passei lá, encontrei (e conversei) com pessoas dos mais diversos países. Vou citar os que me lembro de cabeça, agora e sem precisar pensar muito: Suécia, China, Romênia (muitos), Albânia (vários), Itália, Espanha, Portugal, Camarões, Mali, Polônia, Eslováquia, Marrocos... todos - TODOS, TODOS, TODOS! - estavam no país ou procurando emprego ou trabalhando já. E o argumento era o mesmo: o resto da Europa está em crise, aqui tem dinheiro, tem moeda forte, tem emprego.

Para um país escandinavo, achei as ruas centrais muito decadentes, muita gente estranha. Para coroar, ontem vi quatro moradores de rua. Cobertor cinza, deitados sob a marquise da entrada de um prédio de esquina. Juntinhos para aquecer mais. Descrevo bem pois se tivesse câmera para registrar naquele momento, a foto substituiria essa da Maria, aí em cima, e falaria muito mais do que essas (ou mesmo mil) palavras.

Eu quero ver o que será desse país em 5, 10 anos, a continuar essa tendência. Será um excelente estudo de caso: um país tão rico e com tantas oportunidades de trabalho conseguirá absorver a mão de obra abundante vinda de regiões em crise tão próximas e continuar tão rico? Ou será que fotos como a da romena Maria são apenas um prenúncio de algo pior que ainda está por vir?

Crédito da foto: Marcel van Hattem
Publicação original: http://on.fb.me/R1ki8I

Nenhum comentário:

Postar um comentário