segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Uma nota sobre a falta de atualização do blog

Estrasburgo e Paris foram dois dos destinos de hoje
Depois de mais de 3 mil quilômetros percorridos desde a terça-feira passada, quando saímos de Utrecht /Apeldoorn na Holanda, chegamos em Paris. 

Partimos pela manhã de Stuttgart, na Alemanha, onde chegamos na noite de ontem de Praga, apenas para dormir. Mesmo assim, conhecemos um pouco da cidade alemã, visitando ao menos por fora os museus da Porsche e da Mercedes Benz (em segundas-feiras museus normalmente não abrem; os automotivos de Stuttgart não são exceção).

Gostaria de ter atualizado mais este blog ao longo da viagem, mas a tarefa foi simplesmente impossível até aqui. Já são, quando começo a escrever este post, outra vez 4h25 da madrugada e o combinado é estarmos prontos para sair amanhã às 9h30 outra vez. Certamente, porém, relatarei sobre a nossa viagem pela Europa por posts aqui na minha volta à Holanda.

Parlamento Europeu em Estrasburgo: impressão que passa
é de verdadeiro elefante branco
Hoje passamos por Estrasburgo, onde encontra-se uma das sedes do Parlamento Europeu - prédio que é um verdadeiro elefante branco e que merecerá um post à parte aqui em breve; fomos à Luxemburgo conhecer ao menos as principais ruas desse pequeno país; e, agora, pois, estamos em Paris, em cuja área central, incluindo o Arco do Triunfo, a avenida Champs Elysees e a Torre Eiffel, passamos ainda à noite. Tenho tirado muitas fotos, o que certamente garantirá relatos bem ilustrados mais adiante.

Na pauta de posts futuros, já estão o impacto que senti ao visitar Auschwitz; a nova euforia comercial de Praga, na República Tcheca, pouco mais de 20 anos após o fim do comunismo, com o intenso movimento de consumidores que vimos nas ruas e shoppings; o vazio que estava o Parlamento Europeu em Estrasburgo e porque entendemos visitando ele as razões por que muitos o criticam, dizendo que os prédios de Bruxelas são o suficiente; e observações sobre o pequeno Luxemburgo.

Ficará tudo para a nossa volta - por enquanto, as fotos e comentários curtos que tenho postado no Twitter e no Facebook darão uma ideia do que virá adiante. São dez para as cinco da manhã. Preciso ir dormir. Sobretudo quando me restam pouco menos de quatro horas, média diária durante essa viagem.

Um comentário:

  1. Marcel! Eu estou morando em Strasbourg e já fui algumas vezes no Parlamento daqui e, acredite, estava cheio! Pode ser que seja o prédio mais 'elefante branco' da UE, mas é verdade que é bem legal não precisar ir até Bruxelas para ver os MEP's! :D Tem outras instituições internacionais/europeias aqui, como o Conselho da Europa (que não faz parte da UE) e a Corte de Direitos Humanos que sempre abrem espaço para visitantes e estudantes quando tem algo acontecendo! Tomara que na próxima vez você consiga ver o Parlamento movimentado! Bjs

    ResponderExcluir